Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Versão infantil do projeto Chapéu Acústico apresenta “O Baile do Gato na Tuba”

Publicação:

Baile do Gato na Tuba
Baile do Gato na Tuba - Foto: Gustavo Ziegelmann
Por VERA PINTO/ ASCOM BPE
O Chapeuzinho Acústico, versão infantil do projeto Chapéu Acústico, tem como atração neste ano o “Baile do Gato na Tuba”, dia 6 de outubro (domingo), às 16h, na Biblioteca Pública do Estado (Riachuelo, 1190). A Cia. Megamini promove um momento de festa, alegria, aprendizado e relaxamento, onde pais/cuidadores e filhos dançam, se divertem, interagem e brincam ao som de músicas dos mais variados ritmos brasileiros - forró, xote, maracatu, maxixe, samba, ciranda, marchinhas e MPB. A atividade será realizada no Salão Mourisco e tem contribuição sugerida de R$ 15,00.
 
Após o grande sucesso nos carnavais de 2018 e 2019, o espetáculo-show inaugura um novo repertório musical, que vai além das músicas carnavalescas - apresentado em julho deste ano - no Teatro Sesc (Centro de Porto Alegre). No decorrer do baile ocorre o show, com repertório escolhido a dedo para as crianças e que, sem dúvida, tocará também o coração e os pés dos adultos: “Leãozinho”, de Caetano Veloso, em ritmo de frevo; “A Banda”, de Chico Buarque; “A Cantiga do Sapo”, de Jackson do Pandeiro, além de clássicos da “Arca de Noé”; Coleção Disquinho – discos de vinil coloridos, que fizeram sucesso nas décadas de 1960 e 70, pela gravadora Continental; Musical de Toquinho, “Casa de Brinquedos”, sem esquecer do cancioneiro popular e pitadas de carnaval.
 
 Para enriquecer a montagem e dialogar ainda mais com o universo lúdico das crianças, a atriz Nora Prado e o mímico e palhaço Gabriel Guimard fazem interações cênicas. Completam o elenco, os músicos Vinicius Ferrão e Ismael Silva e a cantora e atriz Elisa Meneghetti.

CIA MEGAMINI
 
A Cia. Megamini foi criada em São Paulo e instalada há dois anos em Porto Alegre, onde trabalha há mais de 20 anos com pesquisa voltada à Cultura da Infância. Já esteve em cartaz em Porto Alegre, com o musical “Tem Gato na Tuba”, “Proezas de Extrabão” e “Lendas da Amazônia”. Tem como missão honrar a inteligência e a sensibilidade da criança e considerá-la como um agente dinâmico e ativo da sociedade, com uma percepção própria do mundo.
                                                                   
Nora Prado
 
Atriz, cantora, professora e diretora de teatro e de interpretação para cinema e vídeo. Formada pela UFRGS em artes cênicas, fez parte, nos anos 1980, do Grupo Tear. Em 2017, já em Porto Alegre, dirigiu o espetáculo “Lembranças no Lago Dourado” e ganhou o prêmio Tibicuera de Melhor Atriz de Teatro Infantil pelo musical “Tem Gato na Tuba”. É uma das fundadoras da Cia. Megamini, juntamente com Gabriel Guimard.
 
Gabriel Guimard
 
Ator, mímico, palhaço, diretor, produtor cultural e pesquisador das artes para infância. Participou da companhia francesa Philippe Genty, durante cinco anos, com a qual viajou por mais de 50 países. Em 1995, em São Paulo, fundou a Cia. Megamini, com Nora Prado, com a qual realizou mais de 20 espetáculos. Atualmente, a companhia tem realizado espetáculos e intervenções cênicas por todo Rio Grande do Sul e Brasil.

Elisa Meneghetti
 
Cantora e atriz. Estudante de licenciatura em Música lançará seu trabalho autoral no segundo semestre de 2019, fruto do edital de ocupação do Estúdio Geraldo Flach, da prefeitura de Porto Alegre. Encabeça o “Pra Viajar”, um show em homenagem a Nei Lisboa; a banda Balangandãs, de releituras tropicalistas e o show “Blue Notes”, com repertório jazz. Além disto, integra o elenco do musical “A Arca de Noé”, de Zé Adão Barbosa.

Vinicius Ferrão
 
Bandolinista e cavaquinista, participou das oficinas de choro e samba do Santander Cultural e com o grupo Vôo Livre apresentou algumas composições próprias. Participou como instrumentista, no disco "Peixe Que Já Não Há", da banda Tribo Brasil, a qual integrou por dez anos e do disco "Histórias do Samba", pelo selo Zaffari; além de participações em discos e EPs de outros artistas e grupos da cidade. Como arranjador, atuou nos EPs "Curto Pavio", da compositora Alessandra Terribili e do EP homônimo da também compositora Luana Bonfim. Hoje integra  alguns espetáculos da Cia Megamini, focados nas crianças e suas famílias, além de apresentar vários repertórios em bares de Porto Alegre, com diferentes formações.

Gabriel Maciel Pinto
 
Músico, violonista, cantor e compositor de Porto Alegre, fundou a banda Tribo Brasil, há 16 anos. Tem atuado como cantor e ator, no espetáculo "O Maestro, O Malandro e o Poeta”, em cartaz há 12 anos. Atuou no musical "Lupi, Uma Vida em Estado de Paixão", em homenagem ao centenário de Lupicínio Rodrigues. Desde 2017 tem trabalhado como músico nos espetáculos da Cia. Megamini. 
 
SERVIÇO

Dia: 6 de outubro (domingo).
Hora: a partir das 16h. (Distribuição de senhas a partir das 15h, no  máximo 3 por pessoa)
Local: Salão Mourisco da Biblioteca Pública do Estado (Riachuelo, 1190) – Centro Histórico - Porto Alegre/RS.
Informações: Na Biblioteca Pública do Estado, pelo fone (51) 3224-5045 ou com o grupo: https://www.facebook.com/ciamegamini/, megamini@greco.com.br ou (51) 98022-7357.
Contribuição sugerida de R$ 15,00.
 
 
EDIÇÃO: RAFAEL VARELA/ ASCOM SEDAC 
Secretaria da Cultura