Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Galeria dos ex-secretários de Estado da Cultura

Carlos Jorge Appel
Carlos Jorge Appel

Exercícios: 20/7/1990 – 15/3/1991 | 1º/1/1995 – 4/3/1997
Escritor, professor de Literatura e crítico literário. Foi o primeiro secretário da Cultura do Rio Grande do Sul, no ano de instalação da secretaria durante o mandato de Pedro Simon, tendo atuado na criação da pasta. Voltou a ocupar o cargo em 1995, no governo de Antônio Britto. Inaugurou a Casa de Cultura Mario Quintana e criou a Lei de Incentivo à Cultura (LIC), o Sistema Estadual de Museus e o Sistema de Bibliotecas Públicas do Estado.

 

 

Zulmira Guimarães Cauduro

Zulmira Guimarães Cauduro

Exercício: 15/3/1991 – 31/12/1994
Também conhecida como Mila Cauduro, novelista, contista e romancista. Foi presidente da Academia Literária Feminina do Rio Grande do Sul e recebeu diversas congratulações, como a Medalha da Academia Brasileira de História e a Medalha Cidade de Porto Alegre. Assumiu a secretaria durante o mandato de Alceu Collares.

 

 

Nelson Boeira

Nelson Fernando Boeira

Exercício: 5/3/1997 – 31/12/1998
Filósofo e professor, foi secretário da Cultura durante o governo de Antônio Britto. Durante sua gestão como secretário estadual, atuou na implantação da Lei de Incentivo à Cultura (LIC), aprovada em 1996. 

 

 

  

Luiz Paulo Pilla Vares

Luiz Paulo Pilla Vares

Exercício: 1º/1/1999 – 13/2/2001
Jornalista e escritor, ocupou o cargo de secretário da Cultura no governo de Olívio Dutra. Inaugurou o Memorial do Rio Grande do Sul, em 2000. Também esteve à frente da Secretaria da Cultura de Porto Alegre entre 1989 e 1997.

  

 

 

José Luiz Marques

José Luiz Marques

Exercício: 12/2/2001 – 31/12/2002
Professor universitário, foi secretário da Cultura durante o governo de Olívio Dutra. Sua gestão foi a responsável por ter lançado o primeiro edital do Fundo de Apoio à Cultura (FAC) e criado o Prêmio Iecine de Cinema. Em 2001, inaurugou o Memorial do Fórum Social Mundial. Também reabriu a Casa de Cultura Mario Quintana após a restauração da sede, em 2002.

  

 

Roque Jacoby

Roque Jacoby

Exercício: 1º/1/2003 – 30/3/2006
Economista com longa trajetória no setor editorial, esteve à frente da pasta durante o governo de Germano Rigotto. Durante a sua gestão, foi lançado o III Prêmio RGE/Governo RS de Cinema, à época considerado o maior incentivo já concedido ao setor audiovisual nacional (R$ 1,5 milhão para cada um dos três projetos vencedores). Em 2005, inaugurou o Centro Regional de Cultura de Rio Pardo. Entre 2013 e 2016 foi, também, Secretário da Cultura de Porto Alegre.

  

Victor Hugo

Victor Hugo

Exercícios: 31/3/2006 – 31/12/2006 | 1º/1/2015 – 31/12/2018
Músico e jornalista, foi secretário da Cultura em dois momentos – nos governos de Germano Rigotto e de José Ivo Sartori. Em janeiro de 2017, durante a sua segunda passagem pela secretaria, foram fundidas as pastas da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, formando a Sedactel.  Na sua gestão, foi entregue aos gaúchos a Casa da Ospa.

  

 

Monica Leal

Mônica Leal

Exercício: 1º/1/2007 – 30/3/2010
Jornalista, foi secretária da Cultura durante o governo de Yeda Crusius. Em sua gestão, a Sedac ganhou sede própria, saindo de um prédio alugado na Praça da Matriz, em Porto Alegre, para ocupar o 19º andar do Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff).

  

 

Luiz Cézar da Silva Prestes

Cézar Prestes 

Exercício: 4/5/2010 – 31/12/2010
Produtor cultural, foi secretário da Cultura no último ano de governo de Yeda Crusius. Dirigiu o Departamento de Patrimônio Histórico, Artístico, Museus e Arquivos do Rio Grande do Sul e, entre 2007 e 2010, ocupou o cargo de diretor do Museu de Arte do Rio Grande do Sul (Margs). Implementou o Fundo de Apoio à Cultura (FAC), realizou a exposição França no Brasil no Margs com mais de 35 mil visitantes e arrecadação de toneladas de doações solidárias como ingresso.

  

Luiz Antônio de Assis Brasil

Luiz Antônio de Assis Brasil

Exercício: 1º/1/2011 – 31/12/2014
Professor e escritor, assumiu a Sedac durante o governo de Tarso Genro. Em sua gestão, LIC, FAC e convênios com o Ministério da Cultura foram impulsionados. Também iniciou as reformas da Casa de Cultura Mario Quintana e entregou cem bibliotecas municipais reformadas ou ampliadas em todas as regiões do Rio Grande do Sul.

Secretaria da Cultura