Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Sedac cria Núcleo de Pesquisa, Informação e Memória de Cinema

Publicação:

O diretor do Iecine, Zeca Brito, e a secretária da Cultura, Beatriz Araujo
O diretor do Iecine, Zeca Brito, e a secretária da Cultura, Beatriz Araujo - Foto: Solange Brum | Ascom Sedac

 A secretária da Cultura, Beatriz Araujo, instituiu, nessa segunda-feira (19/10), a criação do Núcleo de Pesquisa, Informação e Memória do Instituto Estadual de Cinema (Iecine), com o objetivo de executar ações de pesquisa, organização e disponibilização de informações que orientem a Secretaria de Estado da Cultura (Sedac) em ações de preservação da memória do cinema e do audiovisual gaúchos.

Estão entre suas principais atribuições, realizar ampla pesquisa que concentre as informações sobre a filmografia gaúcha, promover programações, cinematografias, debates, mostras e festivais que valorizem e recuperem a história e a trajetória do audiovisual feito no RS, de preferência nas dependências da Cinemateca Paulo Amorim e do Museu da Comunicação Hipólito José da Costa (MuseCom), ou em ambientes digitais dos mesmos. Deve, ainda, criar publicações e plataformas digitais para dar visibilidade a pesquisas sobre os temas do Núcleo e assuntos afins, realizar parcerias com entidades do cinema sul-rio-grandense para atividades relacionadas ao tema e com instituições de pesquisa e promoção do audiovisual, tanto do Brasil quanto do exterior.

“A criação do Núcleo é uma conquista importante na história do Iecine. O órgão público passa, agora, a ter uma responsabilidade maior com a memória e com a preservação do cinema gaúcho. O diálogo fortalecido com a sociedade civil e a inscrição histórica, que se fazem necessários para que essa cinematografia siga viva com o passar dos anos”, declarou Zeca Brito, diretor do Iecine.

A secretária Beatriz Araujo acredita que sua gestão ficará marcada pela valorização da memória e do patrimônio. "A memória imaterial, representada pelo audiovisual, os registros dos diferentes tempos e interpretações do mundo que os produtores realizaram, agora encontraram, dentro do Iecine, um espaço adequado para sua preservação ao encontro das novas gerações”.

A portaria completa foi publicada no Diário Oficial do RS, em 19 de outubro de 2020.

Secretaria da Cultura