Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Força Feminina: Sedac lança programação para o Mês da Mulher

Publicação:

Programação acontece durante todo o mês de março
Programação acontece durante todo o mês de março
Por Ariel Lopes | Ascom Sedac

No dia 8 de março, comemora-se o Dia Internacional da Mulher, data que é um marco representativo da luta das mulheres por dignidade, equidade e reconhecimento. Para celebrar a data, a Secretaria de Estado da Cultura (Sedac) e suas instituições vinculadas oferecerão uma programação especial, que integra a campanha “Força Feminina - Mês da Mulher na Sedac”.

As atividades são diversas e permitem a abordagem de vários aspectos que perpassam as vidas das mulheres. Serão tratadas as temáticas de gênero, protagonismo e perspectivas históricas, que buscarão não só discutir as inúmeras realidades femininas, como também homenagear suas vivências e contribuições na sociedade. A programação conta com apresentações musicais, lives, vídeos, ações nas redes sociais, entre outras propostas.

As atividades presenciais poderão ser adaptadas ao formato virtual, a depender dos protocolos vigentes estabelecidos pelo Modelo de Distanciamento Controlado, do Governo do Estado.

Força Feminina

A grade de atividades faz parte da campanha “Força Feminina”, que tem como mote a força feminina no enfrentamento à pandemia. A iniciativa é uma homenagem e uma demonstração de respeito e solidariedade às mulheres gaúchas afetadas pela crise econômica e social causada pela pandemia da Covid-19. A ação é uma parceria da Sedac, por meio da sua Assessoria de Diversidade, com a Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH), e com a Secretaria de Articulação e Apoio aos Municípios (SAAM), e conta com o apoio do Comitê EmFrente, Mulher, que é coordenado pelo Programa RS Seguro.

A assessora de Diversidade da Sedac, Clarissa Lima, fala sobre o desenvolvimento das ações ao longo do mês. "A exemplo do ano passado, as atividades alusivas ao Mês da Mulher serão feitas em parceria com outras secretarias, seguindo o preceito de transversalidade do governo. Estamos convidando também os municípios gaúchos a juntarem-se a nós nesta causa. É muito importante o debate e a reflexão sobre questões feministas, principalmente neste momento tão difícil de pandemia”, salienta.

A secretária de Cultura, Beatriz Araujo, destaca a importância de criar pontes entre as secretarias para o desenvolvimento de projetos. “Notamos a necessidade de aprofundar as pautas que são importantes para a construção de uma sociedade mais justa. Isso só é possível a partir da união das diversas áreas do governo, que trazem novas perspectivas aos temas, proporcionando uma entrega mais ampla”, comenta a secretária.

Dia Internacional da Mulher

Oficializado em 1975, o Dia Internacional da Mulher reconhece o histórico feminino pela busca de direitos, além de proporcionar visibilidade às lutas atuais e diárias. Apesar de ser comumente relacionado com um incêndio em Nova York, em 1911, que resultou na morte de mais de uma centena de mulheres, a data de 8 de março marca um protesto de mulheres operárias contra a fome e a Primeira Guerra Mundial, na Rússia.

Confira a programação da Sedac para o Mês da Mulher:

- Biblioteca Pública do Estado (BPE)

A partir de 1º/3, Clube de Leitura e Dicas de Leitura . Em março, os projetos virtuais da BPE serão focados nas mulheres, com sugestões de leitura, que incluem biografias e textos literários com temas que abordam o universo feminino e o empoderamento.

Local: Instagram da BPE

- Museu Antropológico do RS (Mars)

2, 9, 16, 23 e 30/3 | 19h - Mulher ocupa Mars:  o Mars realizará um ciclo de lives, recebendo cinco convidadas com diferentes atuações para falarem sobre suas trajetórias pessoais e profissionais – 2/3: Marcia Barbosa, professora de Física da UFRGS; 9/3: Negra Jaque, rapper, compositora, apresentadora e produtora cultural; 16/3: Carol Anchieta, jornalista cultural; 23/3: Rejane Nunes de Carvalho, indígena Kaingang, psicóloga; 30/3: Consuelo Vallandro, artista LGBTQIA+.

Local: Facebook e Instagram do Museu

- Theatro São Pedro

4, 11, 18 e 25/3 | 18h30 - Mistura Fina: Com realização do Theatro São Pedro, correalização e produção da Primeira Fila Produções, assessoria de imprensa de Silvia Abreu, apoio da OVNI Acessibilidade Universal, financiamento do Pró-cultura RS e patrocínio da Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul (Sulgás), o projeto Mistura Fina chega a sua terceira edição, exibindo a pluralidade da produção musical que se destaca no cenário nacional. Em março, a programação do Mistura Fina conta, exclusivamente, com artistas mulheres. 4/3: Paola Kirst; 11/3: Valéria Barcellos; 18/3: Kity Santos; 25/3: Nani Medeiros.

Local: YouTube do Theatro São Pedro e Facebook do Mistura Fina

Entre 4 e 8/3 | Mulheres dramaturgas: no Instagram, a instituição exaltará alguns nomes femininos marcantes para a história do teatro brasileiro.

Local: Instagram do Theatro São Pedro

- Museu Julio de Castilhos

5/3 | 10h - Live "As mulheres e o acervo do Museu Julio de Castilhos, entre 1995 e 2010 - uma perspectiva histórica": o museu recebe a professora Andrea Reis da Silveira para falar sobre a figura da mulher nas peças do acervo.

Local: Facebook do Museu

8/3 | 10h - Lançamento da Exposição Virtual Narrativas do Feminino: abordará a participação da mulher gaúcha no desenvolvimento do Rio Grande do Sul, a partir de quatro eixos: Mulheres do Povo, representadas pelas lavadeiras; Mulheres Intelectuais; Mulheres da Elite; e Personalidade Feminina, homenageando a enfermeira Odila Gay da Fonseca.

Local: Site da exposição (link em breve)

31/3 | 10h - Reunião do Comitê Especial de Gestão de Acervo: transmissão do ato de tombamento de peças femininas que serão incorporadas ao acervo do museu.

Local: Facebook do Museu

- Museu Histórico Farroupilha (Piratini)

Entre 8 e 15/3 | 19h: a instituição vai abordar a importância da mulher na formação da sociedade gaúcha e piratiniense, sobretudo nos tempos de guerras. A exposição será feita de modo virtual, com uma série de oito vídeos no Instagram e no Facebook do Museu Histórico Farroupilha, às 19h. Além disso, também serão compartilhadas fotos de alguns objetos que falam da saga das mulheres no século 19.

Local: Instagram e Facebook do Museu Farroupilha

- Museu da Comunicação Hipólito José da Costa (MuseCom):

8/3 | 18h - MuseCom em rede: conectando acervos - Edição Mulheres: ação educativa com o objetivo de disponibilizar ao público atividades que possibilitem a interação com as coleções do Musecom. Será abordada a questão das mulheres, a partir da coleção de fonografia. O ponto de partida será o depoimento de Zaíra Acauan, professora de matemática e atriz.

Local: Site do MuseCom

14/3 | 11h - Cineclube MuseCom | As Cineastas: curadoria mensal de filmes trazendo a obra de cineastas mulheres.

Local: Site e redes sociais do MuseCom (Facebook e Instagram)

15/3 | 18h - Live "Cidades, memórias e mulheres negras": conversa sobre como as memórias da população negra, principalmente das mulheres, são trabalhadas e salvaguardadas, além de sua relação com a cidade. Presença da fotógrafa Irene Santos e da jornalista Vera Daisy Barcellos, ambas mulheres negras e que têm produções acerca dos temas da mulher negra e memórias fotográficas.

Local: YouTube do MuseCom

18/3 | 16h - #tbt da exposição Imprensa Feminina: as pioneiras: será relembrado o acervo raro de imprensa, apresentado em 2019, sobre as mulheres que estiveram à frente de jornais femininos do final do século 19 e início do século 20.

Local: Instagram do MuseCom

- Casa de Cultura Mario Quintana (CCMQ)

8/3 | 19h - Encontro virtual - Exposição “Somos todas um só nó”: conduzido pela curadora Daniele Barbosa, com artistas participantes da mostra – Mitti Mendonça, Virgínia Di Lauro, Balbina de Sá e Renata Sampaio –, abordará questões acerca das vivências de mulheres negras no Brasil.

Local: YouTube da CCMQ

A partir de 8/3 - Mostra "Amor fatal": com curadoria das museólogas Leila Pedrozo e Doris Couto, a exposição trata da tragédia do feminicídio e alerta mulheres sobre os sinais da violência doméstica.

Local: Casa de Cultura Mario Quintana (Rua dos Andradas, 736, Porto Alegre) *A abertura da mostra poderá ser virtual.

31/3 | 21h - Casa Virtual, especial Mês da Mulher: um encontro para mostrar a vitalidade e a força das mulheres na música. Ana Cañas, artista de renome nacional, recebe a cantora porto-alegrense Kaya Rodrigues para um bate-papo musical.

Local: Instagram da CCMQ

- Museu Estadual do Carvão (Arroio dos Ratos)

Entre 8 e 12/3 | Elas por Elas: durante a semana, as redes sociais do Museu do Carvão serão palco para que diversas mulheres contem sobre a sua trajetória e como têm feito para conseguir se reinventar em tempos tão difíceis.

Local: Facebook e Instagram do Museu do Carvão

- Instituto Estadual do Livro (IEL):

A partir de 8/3 - Projetando poesias: projeções de poemas da escritora Lila Ripoll, na fachada lateral do edifício, próximo ao horário do entardecer, e por uma hora, todos os dias até o final do mês, exceto em dias chuvosos. A ação é uma realização do Projetando Poesia, projeto com coordenação da escritora Ana Mello e do IEL.

Local: Fachada de prédio na Rua General Caldwell, esquina com a Avenida Erico Verissimo, com registros nas redes sociais do IEL (Facebook e Instagram)

- Museu de Arte do RS (Margs)

10/3 | 19h - Mulheres artistas, questões atuais: O projeto promoverá conversas com as pesquisadoras Rosane Vargas e Mel Ferrari, que vêm investigando a trajetória, a produção e a inserção de artistas mulheres no sistema da arte local.

Local: Redes sociais do Margs (Instagram e Facebook)

- Assessoria de Diversidade da Sedac

15/3 | 16h - Live "Acessibilidade, inclusão e feminismo": a jornalista e assessora de Diversidade da Sedac, Clarissa Lima, em um bate-papo com as jornalistas e escritoras Lelei Teixeira e Mariana Baierle.

Local: Facebook da Sedac

18/3 | 15h - Live "Mulheres: um olhar sobre a diversidade": a jornalista e assessora de Diversidade da Sedac, Clarissa Lima, recebe a diretora de Promoção de Direitos LGBT do Ministério da Mulher Família e Direitos Humanos, Marina Reidel, a pesquisadora e ativista da ONG Somos Laura Valls, a presidente da Comissão Especial de Diversidade Sexual e Gênero da OAB/RS e vice-presidente do Instituto Proteger e Coordenadora de Diversidade Sexual da Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, Gabriela Lorenzet, e a presidente da Comissão Especial da Diversidade Sexual e de Gênero da OAB Nacional, Raquel Castro.

Local: Facebook da SJCDH

23/3 | 17h - Live "Força Feminina no enfrentamento à pandemia": a jornalista e assessora de Diversidade da Sedac, Clarissa Lima, conversa com a atriz e diretora Deborah Finochiaro e com a relações públicas e pesquisadora Sue Gotardo.

Local: Facebook da Sedac

- RS Criativo

Visibilidade, empoderamento e empreendedorismo feminino: durante todo o mês, as redes sociais do RS Criativo vão virar um espaço para exaltar a mulher empreendedora criativa. Serão apresentados cases de negócios criativos femininos, além de dicas de livros, pesquisas e conteúdos que abordam a temática do empreendedorismo feminino.

Local: Facebook e Instagram do RS Criativo

- Cinemateca Paulo Amorim

Em suas redes sociais, a Cinemateca divulgará filmes brasileiros e estrangeiros que reflitam sobre a luta das mulheres por seus direitos e igualdades.

Local: Facebook e Instagram da Cinemateca

- Museu de Arte Contemporânea do RS (MACRS)

Até 4/4 | Exposição “47% – Artistas mulheres no acervo do MACRS”: A exposição “47% – Artistas mulheres no acervo do MACRS” nasce do projeto Mulheres nos Acervos, uma pesquisa colaborativa que coleta e analisa dados sobre a presença de trabalhos de artistas mulheres nas coleções públicas de arte de Porto Alegre.

Local: MACRS e IEAVi (Galerias Sotero Cosme, Xico Stockinger, Augusto Meyer e Virgílio Calegari, 3º, 6º e 7º andares da CCMQ)

Secretaria da Cultura