Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Elaboração de Projetos Culturais de Impacto

INSCRIÇÕES | até 06 de setembro de 2022, às 18h

Quando: 27, 28 e 29 de setembro de 2022, das 9h às 11h30

Ministrante: Alexandre Vargas

Em formato híbrido, presencial e virtual, o curso será ministrado por um profissional com
experiência nas diferentes plataformas da produção cultural, nas estruturas e diretrizes de
patrocínio das corporações, dos financiadores públicos e dos empreendedores culturais. Serão
apresentadas orientações práticas com foco na sustentabilidade e no desempenho dos
produtores e gestores que atuam na área cultural.

Alexandre Vargas é empreendedor cultural, pesquisador e curador de artes cênicas. Diretor
artístico do Festival Internacional de Teatro de Rua de Porto Alegre, foi colaborador em
comissões de seleção e curadorias independentes para diversos festivais de artes cênicas do
Brasil. Idealizador e coordenador da 1a. Bienal de Dramaturgia Qorpo Santo, é representante
da Red Eurolatinoamericana de Artes Escénicas – REDELAE e integrante do Núcleo Gestor da
Rede Brasileira de Festivais de Teatro. É um dos criadores e atual gestor do Sistema de
Indicadores dos Festivais de Teatro do Brasil – SIFTB, criado em 2015 e em pleno
funcionamento, disponibilizando os dados de uma série histórica.
Em 2017, criou o INTERCENA, programa de internacionalização das artes cênicas do Estado
do Rio Grande do Sul, considerado o primeiro mercado de artes cênicas do Sul do Brasil. Nos
últimos anos, como palestrante de artes cênicas tem participado ativamente de eventos,
encontros, jornadas e seminários relacionados à Economia da Cultura. Em 2018, realizou para
a Coordenação de Cooperação Internacional, UNESCO e Ministério da Cultura, a produção de
conteúdo para cursos EAD de artes cênicas. Entre os artigos de sua autoria está “Economia e
Cultura: A Construção de um Sistema de Indicadores dos Festivais de Teatro do Brasil –
SIFTB”, publicado na Revista Brasileira de Economia Criativa e da Cultura (V1., Ano 1, 2018).
Alexandre Vargas tem atuado no mercado nacional e internacional como curador e
programador nos Eventos de Mercados: Mercado das Indústrias Criativas do Brasil (MICBR),
Mercado de Artes Performativas do Atlântico Sul (M.A.P.A.S.) e em diversos festivais de teatro
no Brasil e no exterior. Na Sedac, esteve no Programa RS Criativo, por meio da PUCRS, e
atualmente é assessor no Sistema Estadual de Cultura, diretor do Teatro de Arena e do
Instituto Estadual de Artes Cênicas.

Conteúdo programático
As atividades do curso estão estruturadas em quatro módulos:

Módulo 1 - Em que consiste o mercado cultural brasileiro? Planejamento e Elaboração: como
planejar e elaborar um projeto cultural de impacto. O que institui o seu projeto? Não existe a
possibilidade de elaborar um projeto cultural de impacto sem conhecer a legislação vigente.

Módulo 2 - Em que consiste o Sistema de Política Cultural brasileira? Leis de Incentivo: O
funcionamento das leis de incentivo, com atualização das novas instruções normativas e atual
contexto do país.

Módulo 3 - As diferenças entre o Patrocínio Empresarial, os Editais das Corporações Privadas
e os Editais Públicos e o impacto dessas diferenças na elaboração dos projetos. Comunicação
e Captação de Recursos como estratégia de sustentabilidade dos projetos culturais de impacto.

Módulo 4 - Gestão e Avaliação.

Metodologia
A educação a distância amplia o acesso ao conhecimento nas várias regiões do Rio Grande do
Sul. O curso terá como metodologia aulas virtuais expositivas com uso de recursos como o
Power Point, em formato híbrido via plataforma, e em local físico a ser informado em data
próxima ao início das atividades. Os encontros presenciais e virtuais serão enriquecidos por
debates e interação com os participantes.

Secretaria da Cultura